Polícia de Canaã dos Carajás elucida latrocínio violento e busca prender os autores do crime ainda esta semana

0
299

A Polícia Civil da cidade de Canaã dos Carajás está trabalhando para capturar os autores do latrocínio que assustou os moradores da região. Esta semana um grande passo foi dado nas investigações. Após 11 dias de extensa procura por pistas, a polícia conseguiu encontrar o corpo do motorista da empresa Forro Norte. Trata-se do nacional Marcelo Silva Damasceno.

O corpo da vítima foi encontrado enterrado no jardim de inverno de uma residência localizada no Bairro Flor de Liz I em Canaã dos Carajás no último sábado (21). A mercadoria do veículo em que o motorista transitava foi encontrada um dia antes em uma casa desabitada, porém de acordo com informações, o proprietário teria emprestado a residência para um homem com nome de José Francisco, que utilizava o lar para guardar materiais.

Na vistoria policial dentro da residência foram encontrados vários objetos, entre eles um colchão com marcas de sangue e um jardim de inverno ainda em construção, esse que não foi reconhecido pelo proprietário da casa que afirmou não saber a procedência do jardim. A polícia averiguou o local, escavou, e encontrou o corpo da vítima.

Jorge Carneiro, delegado responsável pelo caso disse que a vítima saiu da cidade de Marabá por volta do dia 10 de outubro para fazer seu trabalho em vários municípios da região, porém desapareceu após a entrega das encomendas.

Então a família alertou a polícia, e com isso as investigações foram iniciadas e o caminhão em que a vítima transitava foi encontrado no dia 12 abandonado em uma estrada de uma vila por nome de Vila Feitosa.

O delegado ainda relata que José Francisco, principal suspeito do crime, teria roubado o resto da mercadoria após receber a sua carga e nisso matou a vítima e tentou ocultar o corpo do mesmo. José Francisco encontra-se foragido e a polícia está em busca dos autores do crime.

Texto: Rodrigo Melo

Foto: Redes Sociais

Deixe uma resposta