Poucas e boas – edição 1319

0

O Facebook quer construir uma máquina que vai deixar você ir em qualquer lugar, com qualquer pessoa, independente de fronteiras geográficas”. Esta frase foi dita por Mike Schroepfer, CTO (diretor técnico) da rede social de Zuckerberg, durante uma coletiva de imprensa no Dublin Web Summit. A ideia é que essa “máquina de teletransporte” esteja disponível até 2025.

Obviamente, a máquina não funciona teletransportando o corpo, mas sim enganando os sentidos dos usuários. Isso, segundo Mike, vai ser feito com a Oculus — a empresa do Rift, um dos gadgets de realidade virtual mais conhecidos do mercado. O executivo fala que, até a data estabelecida, será possível mimetizar o mundo em tempo real e fornecer “a habilidade de criar qualquer coisa que as pessoas possam imaginar em 3D”.

O Tribunal Regional Eleitoral, através do Cartório da 075ª Zona Eleitoral, em Parauapebas, realizará mais uma ação itinerante para o recadastramento biométrico dos eleitores do município. Desta vez a área a ser beneficiada com a itinerância serão os bairros Palmares I, que receberá o cartório eleitoral entre os dias 4 e 7 de novembro, e a Palmares II, entre os dias 10 e 12. O Cartório Eleitoral já esteve com o projeto itinerante nas aldeias indígenas Kateté e Ô-ÔDjâ, na Zona Rural do município, além da Serra dos Carajás.

A cidade de Parauapebas sempre foi conhecida pelos autos índices de acidentes de trânsito, pela quantidade exagerada de infrações e número altíssimo de mortes no trânsito, se comparados com outros municípios da região. Os campeões desse índice triste são as vítimas de acidentes envolvendo condutores de motocicletas, segundo dados dos setores de segurança pública e saúde. transitoRecentemente a Prefeitura Municipal fez um investimento em aparelhos de monitoramento e radares, a fim de diminuir esses índices, já que o excesso de velocidade sempre foi grande contribuinte para essa triste realidade.

Deixe uma resposta