Sicredi inova e lança a própria máquina de cartões

0
99

Atento aos movimentos do mercado e às necessidades dos seus associados, o Sicredi lança sua própria máquina de cartões, a Paguecom, que reposiciona a instituição financeira cooperativa neste segmento, agora como credenciadora, no chamado mercado de adquirências. A novidade foi anunciada oficialmente no dia 6 de novembro, depois de três meses de testes em um projeto piloto com os associados em várias cidades brasileiras. A Paguecom chega com todas as funcionalidades de uma máquina de cartões, com operações de crédito, débito e voucher.

A iniciativa é uma parceria com a First Data, líder global em soluções de processamento de pagamentos e comércio eletrônico. Para se ter uma ideia, a empresa está por trás da maioria das inovações do mercado em meios de pagamento tais como: autosserviço no checkout, programas de fidelidade, cuponagem, gift card, pagamentos móveis via celular, armazenamento seguro de dados, entre outros.

A Paguecom é mais uma solução financeira oferecida pelo Sicredi, que completa o portfólio de produtos para otimizar os negócios dos seus associados pessoa jurídica. Qualquer empresa ou pessoa que queira se associar às cooperativas de crédito filiadas à instituição financeira cooperativa pode adquirir a máquina de cartões e utilizar em seu negócio.

O público da Paguecom é majoritariamente de PJ, porém atenderá também a Pessoa Física (PF) que atua como profissionais liberais a exemplo de médicos, advogados, taxistas e microempresários, por exemplo.  A expectativa é que a novidade traga autonomia e flexibilidade ao Sicredi, favorecendo aos associados PJ, especialmente os Microempreendedores Individuais (MEIs).

“Nosso modelo de negócios visa oferecer soluções completas aos nossos associados, e a Paguecom vem para complementar este portfólio, oferecendo algo a mais. Entre os benefícios podemos citar os custos, que são mais justos, e competitivos quando comparados aos praticados no mercado. Desta forma, nossos associados podem economizar e investir em outras melhorias para seus negócios”, afirma o presidente do Sicredi Centro Norte, João Spenthof.

Para o country manager da First Data, Henrique Capdeville, a parceria é uma oportunidade de expandir as operações no Brasil. “Nosso papel é fazer com que as conexões entre comerciantes, instituições e clientes sejam simplificadas, promovendo maior conveniência e segurança para os usuários de meios de pagamento”, afirma.

A consultora de Negócios Pessoa Jurídica da Central Sicredi Centro Norte, Kely Freitas, acrescenta que, atualmente o cartão de crédito é usado pela maioria dos consumidores na hora das compras e que ficar de fora deste nicho significa perder venda. “Disponibilizar esta ferramenta nos estabelecimentos é essencial, pois a cada dia que passa, os consumidores estão usando menos dinheiro em espécie nas suas compras. Então, as empresas devem estar preparadas. E com a máquina do Sicredi, os associados têm mais vantagens”.

Kely acrescenta que a Paguecom tem um portal próprio na internet (www.paguecom.com.br) onde o associado pode fazer sua gestão financeira de maneira mais simples, com acompanhamento das vendas. Pode fazer também a antecipação dos recebíveis, “e isso por meio da sua agência, de outros canais como site e celular ou mesmo na própria máquina de cartões”, completa a consultora.

Na região Centro Norte, formada pelos estados de Mato Grosso, Pará, Rondônia e Acre, o Sicredi tem aproximadamente 40 mil associados pessoa jurídica e a expectativa é atingir 80% deste público, que é formado por empresas de comércio e prestadores de serviços. Além disso, a instituição financeira cooperativa vai trabalhar junto a associados pessoas físicas autônomas para levar mais esta facilidade para seu negócio.

Um dos primeiros associados no sudeste do Pará a usar a Paguecom foi o empresário Alessandro Marques Araújo, do município de Tucumã, proprietário de um posto de combustíveis. Há quase dois anos ele é associado do Sicredi e conta que no seu estabelecimento os cartões respondem por cerca de 50% dos pagamentos. Alessandro está trabalhando com a máquina de cartões do Sicredi há cerca de três meses e relata que aprovou a nova solução, tanto que está concentrando os recebimentos na máquina da cooperativa. “O processamento é rápido, ágil e o dinheiro cai direto na minha conta, facilitando as transações financeiras que preciso fazer na empresa, agilizando o meu dia a dia”, afirma o empresário.

Em Redenção, a empreendora Kamylla Arabi faz utilização da Paguecom há quase um mês. De acordo com Kamylla, 70% das vendas da sua loja, do ramo de moda, são realizadas por meio de cartão: “A transação cai direto na conta corrente da empresa. Pretendemos antecipar o recebimento das vendas no crédito diretamente com a cooperativa, pois no Sicredi a taxa é mais baixa do que nas outras instituições”.

Quem também está usando exclusivamente a Paguecom para os recebimentos é Clóves de Lucena Alves, proprietário de loja do segmento de confecções e calçados em Rio Maria, também no Pará. “Até o momento não tivemos nenhum problema de processamento. E o melhor, a solução é perfeita para nosso negócio, pois fazemos muitas vendas utilizando o cartão”, elogia Clóves.

Os interessados podem solicitar a Paguecom em qualquer agência do Sicredi, que conta com mais de 1.500 espalhadas por 21 estados brasileiros. Na região Centro Norte são 167 agências, espalhadas por 134 municípios. Mais informações estão disponíveis no site www.paguecom.com.br.

 

Deixe uma resposta