Terceirizada da Rede Celpa é interditada em Parauapebas

0
96

A empresa Dínamo Empreendimentos, terceirizada da Rede Celpa foi interditada na manhã de segunda-feira, 06. O motivo da interdição seria por conta da falta de alvará para funcionamento da empresa, exigido pela lei municipal LEI Nº 4.296/2005 que rege o código tributário do Município.

Em entrevista a equipe de reportagem do Jornal Correio do Pará que esteve no Departamento de Arrecadação Municipal-DAM, local de onde foi expedido a interdição. “A irregularidade principal, é que está sem o alvará de funcionamento, que é o procedimento de qualquer empresa que presta serviço no comercio, indústria. Em qualquer município do Brasil a empresa precisa ter o alvará de funcionamento. Esta empresa está funcionando desde 2011 e até o momento está funcionando de maneira irregular, apesar de várias notificações, mesmo com todos os prazos legais a empresa ainda não se regularizou. Infelizmente precisamos seguir o código tributário, esse já é um procedimento extremo. O departamento sempre esteve á disposição de todos os contribuintes, seja ele pequeno, médio ou grande”. Disse Anderson, agente de fiscalização, responsável pelo procedimento.

Segundo o agente, a empresa não poderá funcionar enquanto estiver interditada, mas foi visto pela equipe de reportagem, veículos e funcionários que estavam nas ruas exercendo o trabalho normalmente, fazendo a entrega de talões de energia. Se for pega novamente trabalhando ilegal poderá sofrer outras sanções.

Em nota a Rede Celpa diz que:

A Celpa informa que a documentação para funcionamento da Dinamo em Parauapebas é de responsabilidade da empresa parceira, que informou à Celpa que já está resolvendo a situação junto a Prefeitura de Parauapebas e que os serviços à população serão prestados normalmente”

Texto e Fotos: Samara Guimarães

Deixe uma resposta