100 militares aderem à campanha do carnaval e salvam vidas

0

A Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa) entrou no terceiro dia da campanha “Folia que Salva Vidas” com o registro de 1.048 comparecimentos, contabilizados até às 12h desta terça-feira (19). Somente hoje, cerca de 100 militares do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças da Polícia Militar (CFAP/PM) foram até a instituição para doar.

Sob o comando do 1º sargento Rubéns Técio Quemel Rodrigues Gonçalves, 47 anos, a presença dos militares farão a diferença, reforçando o estoque de sangue para atendimento da demanda transfusional do carnaval. A participação total do voluntariado já rendeu 784 coletas, que vão ajudar a salvar 3.136 vidas. A ação se estenderá até o sábado (23), para incentivar a doação de sangue antes da folia.

Segundo Rubens, a campanha é realizada toda vez que forma uma nova turma. “É uma maneira que encontramos de ajudar a quem precisa, através da doação de sangue”, destacou, ao afirmar que a unidade também incentiva o ato solidário na comunidade em geral. “A doação é rápida, não dói e o processo todo demora em torno de 10 a 15 minutos”, explicou.

Campanha do carnaval – A campanha de doação de sangue do carnaval está sendo realizada na hemorrede estadual. De 25/02 a 01/03, será promovida nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Marabá e Santarém; nos Hemonúcleos de Altamira, Abaetetuba, Redenção e Capanema; e de 18 a 22/02, no Hemonúcleo de Tucuruí.

Para ser um candidato à doação de sangue é preciso ter entre 16 e 69 anos (menores devem estar acompanhados do responsável legal), ter mais de 50 kg, estar bem de saúde e portar documento de identificação oficial, original e com foto.

Serviço – As doações de sangue também podem ser feitas no Hemocentro Coordenador e na Estação de Coleta Castanheira, de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h30, e aos sábados, de 7h30 às 17h. Há ainda a Estação de Coleta Pátio Belém, que funciona de segunda a sexta-feira, de 10h às 17h. Na última semana de cada mês, a Unidade Móvel está na Estação Cidadania de Icoaraci, de 8h às 13h. Mais informações nos telefones 0800-2808118 ou 3110-6500.

Por Vera Rojas

Deixe um comentário