Assentamento Tapete Verde será regularizado

Share on facebook
Share on whatsapp

Na tarde da última quinta-feira, 7, a comunidade do Tapete Verde recebeu representantes da Prefeitura de Parauapebas, da Câmara de Vereadores e da Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar para uma reunião sobre a desapropriação e regularização do assentamento. O encontro que ocorreu na Escola Municipal de Ensino Fundamental 21 de Abril contou com exposição da produção dos agricultores locais e foi marcado pela notícia que todos esperavam ouvir.

“As famílias vão continuar na área, vão poder morar, produzir, criar seus filhos e netos em paz, e o melhor, com o título da terra na mão”, afirmou o chefe de gabinete, João Correia, que na ocasião representou o prefeito Darci Lermen. “Essa é uma grande conquista de todos eles. A Procuradoria Geral do Município, Secretaria de Produção Rural, Coordenadoria de Regularização Fundiária e o gabinete já estão agindo”, disse o chefe de gabinete sobre as providencias jurídicas que estão sendo tomadas pelo governo municipal.

Ainda este mês, os agricultores receberão assistência técnica e mecanizada para desenvolver suas propriedades e potencializar a produção de culturas agrícolas de ciclo curto de arroz, milho, feijão, maniva e outros. “São mais de 250 famílias assentadas, todo um programa de investimento para o desenvolvimento e garantia da permanência das famílias. Independente do tamanho da área, todos serão regularizados”, disse Milton Zimmer, secretário de Produção Rural.

O coordenador do Núcleo de Regularização Fundiária, José Alves, explicou que a prefeitura vai assinar um termo de cooperação técnica com o Incra para regularizar o assentamento Tapete Verde. “Vocês estão vendo aqui a produção do Tape Verde. Essas famílias vão trabalhar, vender seus produtos no mercado em Parauapebas e com isso oportunizar a seus filhos uma vida plena e feliz”, declarou.

Após a reunião, a presidente do Assentamento Tapete Verde, Sandra Barbosa, expressou o sentimento e a gratidão de toda comunidade. “A gente nunca teve dificuldade de conversar com os governos, vamos ser justos. Estou muito feliz. Quero agradecer toda essa comitiva do município”, agradeceu.

 

ASCOM/PMP

 

 

VEJA ISSO TAMBÉM