MORTE NO TREM: Vale garante que prestou atendimento à vítima

0
116

Na tarde deste domingo (10), uma senhora cuja identidade não foi divulgada, faleceu ao ter um mal súbito dentro de um dos trens de passageiros operados pela mineradora Vale. A fatalidade aconteceu perto da estação Nova Vida, no município de Bom Jesus das Selvas (MA).

Nas redes sociais, internautas divulgaram que não foi dada assistência à passageira no trem e criticaram a mineradora por não fornecer serviço de emergência médica na Estrada de Ferro Carajás (EFC), que liga Parauapebas, no Pará a São Luiz, no Maranhão. A Vale contestou a informação e explicou que a equipe do trem, que conta com um socorrista, atendeu à vitima, mas apesar dos esforços, não conseguiu impedir o óbito.

Segundo informou a companhia, a família foi comunicada do falecimento da passageira e seu corpo enviado para Imperatriz em carro fornecido pela Vale. A mineradora garante que está prestando apoio e assistência aos familiares.

Leia a seguir, a manifestação da Vale.

Nota à Imprensa

A Vale lamenta informar que na tarde deste domingo, 10/2, durante viagem do Trem de Passageiros com destino a São Luís, uma senhora sofreu um mal súbito quando o trem se aproximava da estação de Nova Vida, no município de Bom Jesus das Selvas (MA), vindo a falecer mesmo após a equipe do trem, que inclui um profissional de saúde, prestar os primeiros socorros, seguido do imediato acionamento e atendimento da equipe médica do SAMU. A família da passageira foi devidamente comunicada e o seu corpo encaminhado para Imperatriz em carro funerário contratado pela Vale, que está prestando apoio e assistência aos familiares.

 

Fonte/foto: Wilson Rebelo

Deixe um comentário