Parauapebas é o maior gerador de empregos do Pará

0

Parauapebas voltou a ser uma terra de oportunidades, é o que aponta o balanço do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho. De acordo com os dados divulgados, de janeiro a setembro deste ano, o município teve um saldo positivo de 5.370 vagas de trabalho, o primeiro do Pará no ranking de geração de empregos.

O município está muito à frente do segundo colocado no ranking, Marabá, que teve 2.023 de saldo de empregos. Em nível de Brasil, Parauapebas está entre 10 municípios que mais empregam. Os dados refletem o que a população começou a perceber em seu cotidiano, são muitas vagas de empregos divulgadas diariamente.

Outro indicador que aponta esse crescimento foi a ampliação em mais de 200% nas vagas ofertados por meio do Sine, no primeiro semestre deste ano. Hibraym Carvalho conseguiu uma vaga de operador de máquina, por meio do Sine, depois de dois anos desempregado, “fiquei feliz por consegui um emprego de carteira assinada, estava sobrevivendo de bico”, afirmou.

“Há mais de quatro anos eu não trabalhava de carteira assinada, fiquei muito feliz com este emprego aqui na construtora e, em ter a oportunidade de, quem sabe, construir minha própria casa. Isso me dá ainda mais motivação para o trabalho”, diz animado o pedreiro Jailson Araújo Barros, que trabalha na empresa responsável pela construção do conjunto habitacional Nova Carajás IX.

Para o empresário Jader Mezenes, que atua no ramo de construção civil, “é notório um novo aquecimento da economia. No segmento que atuo, percebe isso no aumento de vendas em lojas de construção civil, no volume de obras pela cidade, tanto da iniciativa pública quanto privada”.

A empresa do Jader está com três obras no município e gera 60 empregos diretos. “Atualmente tenho encontrado um pouco de dificuldade de contratar profissionais como pedreiro, carpinteiro e ajudante de construção civil, eu acredito que isso ocorre em função do aumento dessas vagas na cidade”, disse Jader.

A Prefeitura tem uma parcela enorme de contribuição para o aquecimento da economia local, seja por meio da geração de empregos com as dezenas de obras pela cidade, pela contratação de fornecedores para prestação de diversos serviços e até mesmo pela folha de pagamento mensal dos servidores públicos.

“Temos trabalhado muito para que Parauapebas volte a ser essa terra de oportunidades. Só com as obras que a prefeitura desenvolve na cidade, conseguimos gerar cerca de 3.000 empregos diretos. Além disso, temos trabalhado para implantar grandes projetos como o Prosap, que vai gerar emprego e renda para a nossa cidade e proporcionar mais qualidade de vida para a população”, afirmou o prefeito, Darci Lermen.

Texto: Karine Gomes / Fotos: Ascom e João Marcos Rosa 

Assessoria de Comunicação

Deixe um comentário