Roda viva – edição 1299

0
347

Outra tentativa do vereador Josineto Feitosa aguardar julgamento em liberdade não deu certo *** Em decisão monocrática, no Habeas Corpus que tramita nas Varas Criminais Reunidas do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, que tem como paciente o ex-presidente da Câmara Municipal de Parauapebas, vereador Josineto Feitosa (SDD), a desembargadora relatora Vera Araújo de Souza decidiu que Josineto Feitosa, preso desde o dia 1º de julho passado pelo Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado (GAECO), ligado ao Ministério Público do Estado do Pará, em desdobramento da “Operação Filisteus”, deve ser mantido preso *** A desembargadora manteve a decisão do juiz Líbio Araújo Moura, titular da 1ª Vara Criminal da Comarca de Parauapebas que já havia indeferido o pedido de liberdade impetrado pela defesa de Josineto *** Havia a expectativa de que Josineto fosse libertado para responder em liberdade as acusações que lhe são impostas pelo Ministério Público do Pará, com as condicionantes que foram submetidas ao ex-vereador Odilon Rocha de Sanção *** Impende mencionar que, em uma ação penal, mesmo que tenham sido presas várias pessoas, nada impede que parte delas permaneça segregada e outra, em liberdade, pois a decisão acerca da segregação ou da liberdade depende da análise das condutas de cada agente, da participação de cada um no delito, da ocorrência ou não de prisão em flagrante e de eventual fuga, da presença ou não de circunstâncias pessoais favoráveis, etc, devendo o tratamento ser diferenciado para os desiguais, em obediência ao princípio da isonomia material *** Pelo exposto, mantenho a decisão de fl. 106 que indeferiu a liminar requerida por seus próprios fundamentos *** Na noite da última sexta-feira, 10, a executiva municipal do Partido Verde (PV) realizou um evento de filiação em Parauapebas *** O ato ocorreu em uma das dependências do Posto Nova Vida, no Rio Verde *** O presidente estadual do partido, Zé Carlos, que disputou as últimas eleições para governador, esteve presente e recebeu os filiados *** Entre os novos integrantes do PV municipal estão nomes conhecidos da política de Parauapebas, como o ex-vereador Adelson Fernandes, que foi candidato a deputado estadual pelo PSC, Ribinha, que se candidatou a vereador pelo PTB e Zildo Costa, também candidato a vereador (pelo PMDB) nas últimas eleições *** Segundo o presidente municipal do PV, Joel Alves, esse é um momento de reorganização do partido *** “Perdemos os espaços no governo nas últimas eleições para deputado. Agora estamos fortalecendo o partido novamente”, diz *** Adelson teria ido para o PV após uma articulação com o PDT não ter dado certo *** A conversa de bastidores da política diz que o ex-vereador só iria para um partido que lhe garantisse a candidatura a prefeito. Sobre essa possibilidade, Joel foi claro *** “Não somos contra o governo, mas todo partido quer crescer. Se estivermos bem nas pesquisas do ano que vem, vamos disputar a vaga”, finalizou *** Uma liminar da Justiça Federal garantiu o retorno de Divino Alves do Campo ao cargo de prefeito de Eldorado dos Carajás, no sudeste do Pará, na última segunda-feira (10), após ele ter sido afastado em maio deste ano por suspeita de improbidade administrativa *** Um grupo de manifestantes contrário ao retorno do prefeito promoveu um protesto na Câmara de Vereadores de Eldorado dos Carajás durante a segunda-feira, e a sessão teve que ser interrompida *** Os manifestantes cobraram dos vereadores informações sobre a decisão de restituir o cargo de Divino Alves. Com o afastamento de Divino, o vice-prefeito Francis Lopes assumiu como chefe do executivo municipal *** De acordo com a denúncia apresentada pelo Ministério Público do Pará (MPPA), o gestor teria cometido fraudes na licitação para a compra de merenda escolar, e passou 83 dias afastado das funções *** A Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas do Pará (Fapespa), lançará na próxima sexta-feira, 14, o Barômetro da Sustentabilidade de Municípios com Atividades Minerárias no Estado do Pará *** O estudo será apresentado durante a programação do evento comemorativo aos 10 anos do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais da Universidade Federal do Pará (UFPA), às 11h, no auditório do campus de pesquisa do Museu Emílio Goeldi *** Classificando o nível de sustentabilidade dos municípios de Barcarena, Canaã dos Carajás, Capanema, Floresta do Araguaia, Ipixuna do Pará, Itaituba, Juruti, Marabá, Oriximiná, Ourilândia do Norte, Paragominas, Parauapebas e São Félix do Xingu ***

Deixe uma resposta