Semana do Meio Ambiente reúne cerca de 200 ciclistas de Parauapebas em passeio ecológico

Share on facebook
Share on whatsapp

Promovido pela prefeitura, evento mudou de percurso neste ano devido ao fechamento da Floresta de Carajás, que foi reverenciada pelos participantes. Programação segue até sexta-feira, 11.

Cerca de 200 ciclistas de Parauapebas participaram do passeio promovido pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), neste domingo, 6. Com a Floresta Nacional de Carajás fechada para eventos, devido à pandemia da Covid-19, o percurso neste ano precisou ser mudado.

O ponto de partida foi o Lago Nova Carajás, de onde os ciclistas seguiram pela PA-275 até a portaria da floresta, acompanhados de perto por agentes da Guarda Municipal e do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) e ainda pelo Samu. Mas a manhã de domingo, além de ensolarada, estava bem tranquila.

Na portaria, uma breve parada. Não exatamente para se ganhar novo fôlego, mas para reverenciar a grande área de conservação ambiental, de 411,9 mil hectares, motivo de orgulho para o município e onde tradicionalmente o passeio era realizado.

Como forma de reverência, os ciclistas levantaram a parte dianteira de suas bicicletas e saudaram a floresta. De lá, o grupo seguiu para a Praça da Bíblia, que está bonita de se ver após a reforma pela prefeitura.

Eram 8h45 quando os primeiros ciclistas foram surgindo após enfrentar uma íngreme subida, mas um saboroso café da manhã aguardava por eles, que encerraram o passeio com a plantação de mudas de árvores. Não sem antes aproveitar a bela paisagem para muitas fotografias.

Antes disso, o grupo foi recebido pelos secretários municipais de Meio Ambiente, Sávio Santiago, e de Turismo, Rodrigo Mota; o adjunto da Semma, Thiago Mota; o vereador Zé do Bode (MDB); pela presidente da União dos Ciclistas de Parauapebas (UCP), Márcia Oliveira; e por Risonete Mota, a Riso, também da UCP e responsável por coordenar o passeio.

Aliados ambientais

“Nós queremos que as pessoas descubram, através da bicicleta, o prazer de conservar o meio ambiente, e a pessoa mesmo melhorar a sua qualidade de vida porque não tem coisa melhor do que você acordar cedo e pedalar e você conservar, você evitar esse gás carbônico que está prejudicando demais a natureza”, defendeu Risonete Mota.

Para os secretários Sávio Santiago e Rodrigo Mota, de fato os ciclistas são parceiros importantes para disseminar a importância de cuidar do meio ambiente, a partir de exemplos que dão com o próprio comportamento. E com os investimentos feitos no turismo, pela prefeitura, os ciclistas poderão ser grandes aliados na divulgação do ecoturismo e turismo de aventura. “Vocês são muito importantes nesse processo”, garantiu Mota.

A Câmara Municipal de Parauapebas também tem acompanhado as ações dos ciclistas, afirmou Zé do Bode, que adiantou: neste ano, o Legislativo vai introduzir no calendário da Casa várias programações para os ciclistas.

Observação de aves, curso e palestra

Nesta segunda-feira, 7, a programação da Semana do Meio Ambiente prossegue durante todo o dia. Acompanhe:

Atividade: Oficina de observação de aves (Cooperture-Carajás)
Local: Praça da Bíblia – Parque Natural Municipal Morro dos Ventos

Horário: 7 às 12h

Atividade: Minicurso virtual sobre Sistemas agroflorestais
Instrutora: Sinara Albuquerque – Engenheira agrônoma da Secretaria Municipal de Produção Rural (Sempror).

Inscrições: https://forms.gle/YaD5nYpSXdK7rhbL6

Horário: 15 às 18h

Atividade: Circuito de Palestras
Tema: Atividades humanas sobre a conservação da biodiversidade em Carajás.

Palestrante: Luciano Anjos Biólogo, doutor em Ciências Ambientais. Professor da Universidade Federal Rural Amazônia (Ufra)/Campus de Parauapebas.

Horário: 19h

       Ascom/Pmp
VEJA ISSO TAMBÉM