Ao menos cinco rodovias federais no PA ficam com trechos intrafegáveis após forte chuva

BR-010 rompe após chuvas em Ipixuna do Pará. — Foto: Ascom PRF
Pistas romperam e Dnit enviou equipes para fazer reparos em cinco rodovias. Produção dos setores agrícola e mineral estão afetadas e transporte de passageiros suspenso na região sudeste.

Ao menos cinco rodovias federais no Pará estão com problemas provocados pela forte chuva no interior do Pará, que começou pela madrugada desta terça (16). O sudeste do estado foi a região mais afetada.

Em Ipixuna do Pará, que decretou situação de emergência, uma cabeceira de ponte de trecho da rod. BR-010 rompeu. Casas foram inundadas e 650 famílias ficaram desabrigadas. Empresa de transporte de passageiros suspenderam as viagens na região.

Um bueiro rompeu e parte da rod. BR-155 foi danificada, em trecho próximo à Vila Marajoara, no km 23. De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), equipes estão atuando para resolver a situação.

Já na BR-158, entre Redenção e distrito de Casa de Tábua, as equipes do Dnit se deslocaram até o local que apresenta problemas semelhantes à da BR-155. Um bueiro foi levado pela enchente e filas de caminhões se formara dos dois lados da rodovia. A rodovia é a principal via de escoamento da produção agrícola do sul do Pará e também do estado do Mato Grosso.

Na BR-163, em Vila Campo Verde, distrito de Itaituba, uma erosão está sendo monitorada e deve receber intervenção emergencial, segundo o Dnit, caso avance e comprometa a segurança da via.

Prejuízos em Marabá

A chuva também causou transtornos em uma estrada, importante para escoamento da produção mineral e agrícola na região de Marabá, sudeste do estado. A via está com uma cratera depois do temporal. O problema causa prejuízos para motoristas de caminhões de carga, que precisam trafegar pela via.

g1.globo.com

Deixe um comentário