Nike processa artistas por ‘tênis de satanás’ com sangue humano

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A Nike processa um coletivo de arte por seus ‘Tênis de Satanás’, produzidos em colaboração com o rapper Lil Nas X.

A Nike está processando um coletivo de arte do Brooklyn, em Nova York, por causa de um polêmico par de “tênis de satanás” que contêm uma gota de sangue humano real nas solas.

O coletivo de arte MSCHF lançou 666 pares dos sapatos na segunda-feira, 29, em colaboração com o rapper Lil Nas X. Segundo os criadores, os pares se esgotaram em menos de um minuto.

Os tênis de US$ 1.018 (R$ 5,8 mil), que apresentam uma cruz invertida, um pentagrama e as palavras “Lucas 10:18”, foram feitos usando o Nike Air Max 97s modificado. A Nike alega violação de marca registrada.

O lançamento dos sapatos foram coincididos com o lançamento da última música de Lil Nas X chamada Montero (Call Me By Your Name), que estreou no YouTube na semana passada.

 

                                   

Por: Portal Terra

VEJA ISSO TAMBÉM